Em tempos de crise Fies 2016 está passando por adaptações e mudanças, e se espera que em 2017 o sistema traga ainda mais alterações. Algumas medidas foram aplicadas e outras que estavam previstas foram suspensas, tentamos reunir tudo o que pudemos até o momento para que você se mantenha inteirado quanto as novidades.

mulher-estudando-no-ipad-61419

Anunciado pelo ministro Mendonça Filho, o Fies recebe no segundo semestre de 2016 o equivalente a 75 mil vagas. Houve também a elevação dos limites per capita para participar, antes de 2,5, passando para 3. Desta forma, mais famílias poderão ser beneficiadas com o Fundo do Financiamento Estudantil. O principal objetivo, segundo o ministro, é assegurar a continuidade das políticas públicas que visam atender as necessidades dos estudantes brasileiros no governo Temer.

Ele ainda destacou que foram recuperados 4,7 bilhões dos 6,4 bilhões que foram cortados, em função disso, houve a criação novas vagas para o programa. O calendário que estava previsto para o segundo semestre de 2016 estava organizado desta forma:

  • Consulta de vagas: 21 de junho

  • Inscrições: 24 a 29 de junho

  • Resultado da seleção: até 30 de junho

  • Inscrições no sistema em única chamada: 1º de julho

  • Lista de espera: 4 de julho a 10 de agosto

Apesar da concessão de vagas para o Fies e um cronograma ativo, o Ministério da Educação e Cultura (MEC) suspendeu alguns novos contratos em cursos de 9 faculdades. Dentre aquelas que foram alvo dos cortes, estão:

Escola Superior de Relações Públicas (Secretaria Executivo); Universidade Bandeirante Anhanguera (Gestão Financeira); Faculdade de Ciências Contábeis de Itapetininga (cursos de Ciências Contábeis e de Administração); Faculdade São Camilo (Administração); Faculdade Afirmativo (cursos de Direito, Secretariado Executivo e Administração); Faculdade José Lacerda Filho de Ciências Aplicadas (Ciências Contábeis); Faculdade São Marcos (Administração); Faculdade do Descobrimento (Administração); e Faculdade de Ciências Contábeis Luiz Mendes (Ciências Contábeis).

Monitore o SisFies para não perder a oportunidade

A recomendação do MEC é que os alunos continuem monitorando o site SiesFies, pois podem acontecer novas pré-seleções até o dia 17 de agosto. Caso sobrem vagas, aqueles que já estão inscritos e na lista de espera poderão ser convocados.

Após serem selecionados os candidatos também deverão passar por duas outras etapas, dentre elas, o envio de documentação as instituições para o qual foram selecionados, e o preenchimento do contrato no banco.

Para o total de 75 mil vagas, foram inscritas 294 mil pessoas, a concorrência é grande. A partir deste ano, o sistema passou a aceitar mudanças nas opções de curso quantas vezes desejarem. Se o candidato optar por cancelar a sua inscrição, a vaga volta a ser disponibilizada pelo sistema para o cadastro de uma nova. O MEC reduziu a quantidade de vagas para os cursos prioritários, que antes recebiam 70% dos financiamentos, agora passam para o percentual de 60%.

Há também as subáreas com novas divisões, a organização ficou assim:

– Cursos prioritários área de saúde recebiam 45% e passam 50%;

– Cursos prioritários da área de engenharia recebiam 35% e passam para 40%;

– Cursos prioritários da área de licenciatura, pedagogia e “normal superior” foram atualizados de 20% para 10%. Ainda está previsto uma nova fase para inscrição de estudantes remanescentes inscritos e não aprovados.

Entendendo mais sobre o SiSU, ProUni e Fies

Ambos os programas representam iniciativas do governo para garantir o acesso ao ensino superior. Através do SiSU (Sistema de Seleção Unificada) as instituições, sem cobrança de mensalidade, oferecem vagas levando em consideração a nota dos alunos no Exame Nacional do Ensino Médio.

O ProUni conta com bolsas integrais ou parciais que podem variar de 50% a 100% para instituições privadas. A ideia é beneficiar jovens que acabaram de sair do ensino médio e possuem uma renda pouco elevada.

Quanto ao Fies (Fundo de Financiamento Estudantil), são ofertados contratos de financiamentos. O pré-requisito necessário para se inscrever é que o aluno tenha feito o Enem a partir de 2010, e possua uma nota final maior do que 450 pontos, também não pode ter zerado na redação.

Você pode obter mais informações sobre o Fies através do número: 0800-616161.

Avalie este conteúdo!

Avaliação média: 0
Total de Votos: 0

Fies foi cortado em 2016?
publicidade:

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *